quinta-feira, setembro 11, 2008

Como resolver a crise

Passo 1: Trocamos a Madeira e os Açores pela Galiza, mas os espanhóis têm que levar o Sócrates
Passo 2: Os galegos são boa onda, não dão chatices e ainda ficamos com o dinheiro gerado pela Zara (é só a 3ª maior empresa de vestuário). A indústria têxtil portuguesa é revitalizada. A Espanha fica encurralada entre os Bascos e o Sócrates.
Passo 3: Desesperados, os espanhóis tentam devolver o Sócrates. A malta não aceita.
Passo 4: Oferecem também o Pais Basco. A malta mantém-se firme e não aceita.
Passo 5: A Catalunha aproveita a confusão para pedir a independência. Cada vez mais desesperados, os espanhóis devolvem-nos a Madeira e os Açores e dão-nos ainda o Pais Basco e a Catalunha. A contrapartida é termos que ficar com o Sócrates. A malta arma-se em difícil mas aceita
Passo 6: Damos a independência ao País Basco. A contrapartida é eles ficarem com o Sócrates. A malta da Eta pensa que pode bem com ele e aceita sem hesitar. Sem o Sócrates Portugal torna-se um paraíso e a Catalunha não causa problemas.
Passo 7: Afinal a Eta não aguenta o Sócrates, e o País Basco pede para se tornar território português. A malta faz-se difícil mas aceita (apesar de estar lá o Sócrates).
Passo 8: Fazemos um acordo com o Brasil. Eles enviam-nos o lixo e nós mandamos-lhes o Sócrates.
Passo 9: O Brasil pede para voltar a ser colónia portuguesa. A malta aceita e manda o Sócrates para os Farilhões das Berlengas apesar das gaivotas perderem as penas e as andorinhas do mar deixarem de por ovos.
Passo 10: Com os jogadores brasileiros mais os portugueses Portugal torna-se campeão do mundo de futebol!
Passo 11: Os espanhóis ficam tão desmoralizados, que nem oferecem resistência quando os mandamos para Marrocos.
Passo 12: Unificamos finalmente a Península Ibérica sob a bandeira portuguesa.
Passo 13: A dimensão extraordinária adquirida que une a Península e o Brasil, torna-nos verdadeiros senhores do Atlântico. Colocamos portagens no mar, principalmente para os barcos americanos, que são sujeitos a uma sobretaxa tão elevada que nem o preço do petróleo os salva.
Passo 14: Economicamente asfixiados eles tentam aterrorizar-nos com o Bin Laden,mas a malta ameaça enviar-lhes o Sócrates e eles rendem-se incondicionalmente.
Está ultrapassada a crise!

Será que é mesmo assim????

8 comentários:

Miguel disse...

LOOOOOOL

fantástica :)

Hands of Time disse...

Ui, onde é que se assina??? eu assinooooooooo por baixo lol!

Charmoso disse...

ideias tens tu looool

pisconight disse...

hehehe
5 estrelas!!
;)

Histérica disse...

Adorei!!

Mas até a crise ser resolvida já não temos o Sócrates no Governo!!

;)

Maria Manuela disse...

Unnnnnnnnn não me parece...

O problema não é geográfico, é humano !!!

:D

Å®t Øf £övë disse...

Ana,
Bem, que temos uns políticos de merda todos nós sabemos ou devíamos saber. Em contrapartida, criatividade não nos falta lololollll...
Deixo-te ainda uma sugestão para o passo 15: "Enviamos os políticos de merda chefiados pelo Alberto João"
Bjo.

be disse...

華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,